Bem-vindos ao Blog dos Cabeleireiros

Tudo o que precisa de saber sobre as melhores toalhas e penteadores de cabeleireiro

Que toalhas e penteadores devemos usar num salão de cabeleireiro ?

Em casa ou no salão, descartável ou lavável, este tipo de equipamento é utilizado pelos cabeleireiros para realizar os serviços mas sobretudo para garantir a protecção do cabelo dos clientes e qualquer possível projecção de produtos químicos.

À chegada ao salão e até à sua partida, os clientes usam um Peignoir « penteador » durante o período de duração dos serviços. A qualidade do tecido, principalmente sintético, e a escolha das cores são importantes, bem como o estado de desgaste e de limpeza deles.

melhores-toalhas-penteadores-para-cabeleireiro

« Roupa » nos cabeleireiros

Mesmo que não esteja estipulado por lei, que as toalhas, penteadores, etc.. devem ser lavados para cada cliente, isto é altamente recomendável porque para além do impacto negativo na imagem do profissional, é muito desagradável vestir um penteador que já tenha sido usado por outras pessoas. A higiene é extremamente importante neste tipo de negócio !

« Roupa » descartável nos cabeleireiros

Os penteadores e toalhas descartáveis e de utilização única utilizados pelos cabeleireiros oferecem qualidades práticas e higiénicas, uma vez que são descartados após o uso. Para o profissional, a gestão da roupa deixou de ser um constrangimento. No entanto, o descartável gera quantidades consideráveis de resíduos que são muito raramente reciclados. Sem mencionar os custos adicionais deste tipo de material, as opiniões dos clientes estão bastante divididas quanto à utilização de roupa descartável nos cabeleireiros.

Muitos clientes investiram no desenvolvimento sustentável, na ecologia, na protecção da natureza e do ambiente e por isso, não podem logicamente, apoiar a utilização de penteadores e toalhas descartáveis nos serviços de cabeleireiro.. Pensa nisso. Claro se poderes lavar todos os dias a maquina, é excelente ! E atinge menos o ambiente, e isso mesmo a lavares à 60 graus. Escolhe simplesmente um produto que seja bom para o ambiente ou podes também fazer o teu proprio produto completamento bio para lavares. Informa-te sobre isso.

« Roupa » nos cabeleireiros lavável e reutilizável

Tradicionalmente, nos salões de cabeleireiro, as toalhas utilizadas são de algodão e os penteadores são normalmente de material sintético. A qualidade da « roupa » num salão é representativa do compromisso do profissional com o conforto e o bem-estar dos clientes. Oferecer « roupas » de qualidade, limpas, sem manchas e sem buracos é muito mais apreciado do que o contrário com os cabelos dos clientes anteriores, desgastados ou com odores diversos como perfume, transpiração. (Há marcas distribuidoras de cores que tem toalhas que não perdem a cor com a descoloração e outros trabalhos químicos)

Assim, com um stock suficiente e um mínimo de gestão, é perfeitamente possível oferecer a cada cliente penteadores e toalhas limpas e lavadas à 60 graus que é o mínimo recomendado ok, o que na prática nem sempre é o caso, simplesmente abanados antes de serem recolocados no cabide. Eu vejo isso, ja o vivi em como empregada e cliente e é um horror!!!!

Muitas vezes devido à falta de interesse dos cabeleireiros pela higiene em geral, considerando-a como um pormenor, por hábito, ignorância, negligência ou por razões económicas, muitos profissionais de cabeleireiro perdem interesse neste ponto, que é de grande importância para os clientes.

Isso pode-te fazer ganhar ou perder clientes!

melhores-toalhas-penteadores-para-cabeleireiros

Em conclusão

A qualidade e higiene do vestuário (penteadores, toalhas,..) oferecido aos clientes nos serviços de cabeleireiro tem um impacto directo na imagem do profissional. Se os clientes permanecerem em silêncio sob um penteador que não corresponde às tuas expectativas, esta pode ser uma causa real e séria para se dirigir a um concorrente e evocar este pormenor que é da maior importância. Além disso, as opiniões dos consumidores sobre os locais de recomendação referem-se frequentemente à higiene nos salões de cabeleireiro, tanto em termos de « roupas » de cabeleireiro como o do equipamento.